"A leitura do mundo precede a leitura da palavra." "Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem." "Língua Gosto de sentir a minha língua roçar A língua de Luís de Camões Gosto de ser e de estar E quero me dedicar A criar confusões de prosódias E uma profusão de paródias Que encurtem dores E furtem cores como camaleões Gosto do Pessoa na pessoa Da rosa no Rosa E sei que a poesia está para a prosa Assim como o amor está para a amizade (...)"

sábado, 3 de julho de 2010

Lançamento do livro "TEMPO BOM," dia 09/07

Escritores organizam antologia de contistas contemporâneos para ajudar as vítimas das enchentes no Nordeste.

Nos últimos dias, alguns estados do Nordeste têm atravessado um momento difícil devido às enchentes provocadas pelas chuvas. A antologia de contos Tempo bom, foi organizada com o intuito de ajudar as vítimas das enchentes nos municípios mais atingidos em Pernambuco e Alagoas.

Organizada pelos escritores Sidney Rocha e Cristhiano Aguiar, a antologia, com selo da editora Iluminuras, reúne 20 destacados ficcionistas contemporâneos, de várias partes do país: Xico Sá, Thiago Correa, Sidney Rocha, Ronaldo Correia de Brito, Rinaldo de Fernandes, Raimundo Carrero, Nivaldo Tenório, Nelson de Oliveira, Marco Polo, Marcelo Pereira, Marcelino Freire, Lupeu Lacerda, Lima Trindade, Gustavo Rios, Felipe Arruda, Fernando Monteiro, Cristhiano Aguiar, Astier Basílio e Alberto Mussa.

Segundo Sidney Rocha, no prefácio da publicação, Tempo bom, (escrito assim, com a vírgula)

“Não se pretende paisagem, nem mapa, nem mosaico [da literatura contemporânea]”, mas o escritor afirma, no mesmo texto, que da antologia “rescende uma literatura vigorosa para à qual só se pode dizer sim ou não. Nunca talvez.”.

Entre consagrados e menos conhecidos do grande público, muitos cederam textos inéditos, alguns especialmente escritos para a antologia, mas como o tema pedido era livre, este retrato da literatura brasileira fica bastante nítido, porque não se detém a tempos ou circunstâncias, exemplo de uma “novíssima literatura que muito já fez e muito ainda promete”, como escreve na quarta capa Cristhiano Aguiar, crítico literário, e um dos organizadores-contistas.

Serviço:
Lançamento antologia de contos Tempo bom, (Editora Iluminuras, 190 páginas, 10 reais — no dia do lançamento) no dia 09 de julho a partir das 18h

Simultaneamente em Pernambuco: Recife , Petrolina e Garanhuns; no Ceará:
Juazeiro do Norte, Crato e Fortaleza; na Bahia: Salvador, Feira de Santana,
Juazeiro da Bahia; na Paraíba: João Pessoa e em São Paulo, Locais de lançamento: a confirmar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário